leonardospinto

Uma análise diferente - IBOV

BMFBOVESPA:IBOV   Índice IBovespa
Olá Gente, tudo certo com vocês?

Nessa análise é possível perceber alguns detalhes interessantes do Brasil e, talvez, perceber alguns padrões de mercado da época tensa que estamos vivendo.

HISTÓRICO:
Em primeiro lugar, coloquei as variações da dívida pública e, também, da dívida externa no Brasil para os governos dos PT e MDB (governos que entraram e saíram no período de 2003 até 2019). A par das considerações feitas, acredito que o Brasil teve um período fértil da economia, movido principalmente pela demanda das commodities brasileiras pela China, que estava com o PIB aumentando na faixa dos 11% por ano, e, através disso, tivemos um ótimo crescimento até meados de 2008. Em 2008, ocorreu a famosa bolha imobiliária nos EUA que repercutiu em todo mundo e teve grandes respingos aqui no Brasil aliado ao escândalo do mensalão (2005-2007). Após o período de recuperação econômica brasileira, Dilma assume a presidência - em janeiro de 2011. O governo da primeira presidente do Brasil foi muito conturbado. Segundo o senado federal, os casos de impeachment de Dilma e Collor podem ser caracterizados por momento de crise econômica e baixa popularidade dos presidentes. Dilma, no início, contava com ampla base aliada do Congresso, o que foi diminuindo ao longo do julgamento. O resultado da diminuição do apoio à presidente saiu no dia 02 de dezembro de 2016: Impeachment. Logo após o declínio do governo Dilma, Temer assume a presidência do Brasil.

O QUE FAZER?
Essa é uma opinião minha e não deve ser utilizada com critério para suas ações. Dito isso, acho que o mais justo a se fazer é utilizar títulos públicos atrelados à inflação a seu favor. Explicarei: o resultado das eleições de 2018 se aproxima e é possível perceber duas figuras antagônicas disputando o poder. Contudo, ao meu ver, as propostas para a economia dos dois candidatos são péssimas. Para a professora de Economia da Universidade Estadual do Rio de Janeiro Maria Beatriz David de Albuquerque, nenhum dos dois projetos de governo apresentados ao Tribunal Superior Eleitoral ( TSE ) serão levados a cabo. “Os dois são inviáveis e, certamente, haverá um redirecionamento das propostas”, prevê. Segundo ela , isso vai ocorrer porque, do lado do PT, Haddad precisa ampliar o espectro político de apoio para vencer as eleições. “O programa dele é de rompimento com a trajetória dos outros governos do PT, é isolacionista. Terá de flexibilizar seu projeto econômico”, afirma. Deste modo, é possível perceber que, independentemente de Bolsonaro ou Haddad ganharem as eleições, a tendência do mercado será a subida do Dólar e, também, da subida da inflação a médio e longo prazo. Portanto, medidas que "apostam" em um futuro de recessão, talvez nesse momento, são as de maior esfera realista.

Fontes:
Impeachment de Dilma Rousseff marca ano de 2016 no Congresso e no Brasil. Atualizado as 28 de dezembro de 2016. Disponível em: <https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2016/12/28/impeachment-de-dilma-rousseff-marca-ano-de-2016-no-congresso-e-no-brasil>. Acesso em 15 de outubro de 2018.

Dívida Externa Bruta do Brasil. Atualizado as 07 de março de 2018. Disponível em: <http://www.ipeadata.gov.br/ExibeSerie.aspx?serid=38367>. Acesso em 15 de outubro de 2018.

Dívida Pública Total do Brasil. Atualizado as 29 de setembro de 2018. Disponível em: <http://www.ipeadata.gov.br/ExibeSerie.aspx?serid=38367>. Acesso em 15 de outubro de 2018.

Planos de Haddad e Bolsonaro tratam a economia de forma antagônica. Atualizado em 09 de outubro de 2018. Disponível em: <https://www.em.com.br/app/noticia/politica/2018/10/09/interna_politica,995812/planos-de-haddad-e-bolsonaro-tratam-a-economia-de-forma-antagonica.shtml>. Acesso em 15 de outubro de 2018.
Excelente ponto de vista! Ainda acredito que a inflação será o principal ponto que novo governo irá tentar conter, como bem dito em médio longo prazo a tendencia deve ser de alta "moderada" (eu espero). Nesse contexto, diante de possíveis novos nomes de governo e uma agenda reformista, podemos ter um excelente ano na B3, com boa entrada de capital nacional e internacional. De qualquer forma o mercado de renda variável Brasileiro ainda se mostra muito frágil, investidores (principalmente os iniciantes) vão precisar de educação contínua e muita atenção, já para quem gosta de volatilidade a figura de mercado que pode se apresentar é bem promissora na minha opinião.

Parabéns pelo estudo e exposição! Abçs, e bons lucros!
+1 Resposta
Bem vindo de volta! Aproveite esse ótimo momento do mercado tradicional para bombar suas análises! Abs!!!
+1 Resposta
Início Rastreador de Fundamentos Rastreador Forex Rastreador de criptomoedas Calendário econômico Shows Como Funciona Recursos gráficos Preços Regras da Casa Moderadores Soluções para sites e corretoras Widgets Soluções em Gráficos Biblioteca de Gráficos Lightweight Central de Ajuda Indique um amigo Solicitação de recurso Blog & Notícias FAQ Wiki Twitter
Perfil Configurações de perfil Conta e cobrança Indique um amigo Meus Tíquetes de Suporte Central de Ajuda Ideias Publicadas Seguidores Seguindo Mensagens Privadas Conversa Deslogar