f1l1per.

Ambev pode ser a nova Cielo? ABEV3

BMFBOVESPA:ABEV3   AMBEV S/A ON
É fácil de identificar os ciclos de aumento de receita e lucro, que ocorrem sempre (ao menos desde de 2015) no último trimestre de cada ano. A empresa se mostra bem administrada quando vemos que sempre nesse mesmo período a dívida sempre é abatida, revelando a responsabilidade administrativa da direção da empresa.

Se por um lado a dívida não cresce, é inquietante notar que as margens líquida, operacional e EBITDA, bem como a receita, seguem estagnadas desde 2015, sugerindo que a empresa tem dificuldade de ganhar mais mercado (o que se vê na receita estagnada), e que não conseguiu nesse período otimizar processos e assim baratear a produção (isso se nota pelas margens estagnadas). O aumento da concorrência com as cervejarias artesanais que eclodiram nos últimos tempos conotam um futuro incerto para esta campeã nacional, estando ela sob risco de se tornar uma nova Cielo caso perca espaço para concorrentes menores porém abundantes e com potencial.

Vemos o gráfico de preço de Ambev sublinhando pela receita total (verde), dívida (vermelho), EBITDA (rosa), Lucro operacional (amarelo) e lucro líquido (azul). Dados trimestrais.
Comentário: Importante ressaltar que a receita não cresce, em parte, porque a Ambev já domina o mercado. Mais importante que ampliar a receita é ampliar as margens.

Canal Telegram: https://t.me/EWFPP
Aviso legal

As informações e publicações não devem ser e não constituem conselhos ou recomendações financeiras, de investimento, de negociação ou de qualquer outro tipo, fornecidas ou endossadas pela TradingView. Leia mais em Termos de uso.