AMEX:XLE   SPDR Select Sector Fund - Energy Select Sector
Se compararmos os gráficos:

da cotação do petróleo Brent ( BCOUSD ) e das algumas das principais petroleiras pelo mundo com o gráfico da Petrobras ( PETR4 ), vemos que a defasagem dela é de aproximadamente 50%.
Motivo: temor de alteração na política de preços por pressão política.
Os investidores estrangeiros saíram em peso, agravando a queda.

Resta acompanharmos. Se houver um retorno grande de investidores estrangeiros comprando ações da Petrobras, é uma boa oportunidade para retomar ao patamar em que ela deveria estar.
Porém, se não houver esse retorno ou se o petróleo começar a corrigir, a Petrobras deve sofrer mais ainda.