ReutersReuters

Mercados europeus caem, China alivia medidas pandémicas

Os índices bolsistas europeus negoceiam na sua maioria em queda na segunda-feira, encontrando pouco apoio no alívio das restrições pandémicas internas na China, após o sentimento de mercado ter sido amortecido pelos dados de emprego dos EUA na sexta-feira que suscitaram receios de uma inflação persistente.

As acções asiáticas foram impulsionadas no início de segunda-feira pela esperança de que as medidas tomadas pela China para aliviar a sua política de COVID zero apoiariam o crescimento global e aumentariam a procura de mercadorias.

Mas o impacto nos mercados europeus foi limitado, com os investidores cautelosos quanto à extensão da reabertura e permaneceram concentrados nas perspectivas de subida das taxas dos bancos centrais.

O índice mundial de acções do MSCI, que regista acções em 47 países, subiu apenas 0,3% no dia IACWI. O índice europeu STOXX 600 desceu 0,3% SXXP, o DAX da Alemanha desceu 0,6% DAX mas o FTSE 100 de Londres subiu 0,2% UK100.

"Penso que durante algum tempo não saberemos a verdadeira definição de zero COVID porque tem vindo a mudar e a evoluir muito rapidamente nas últimas duas semanas", disse Eddie Cheng, chefe da gestão de carteiras multi-activos da Allspring Global Investment.

Join for free to get the full story
News unlock banner