ReutersReuters

Wall Street tem queda após ganhos por discurso de Powell

Wall Street caía nesta quinta-feira, com os investidores digerindo dados econômicos dos Estados Unidos após alta expressiva na sessão anterior por sinais de que o Federal Reserve diminuirá o ritmo de altas dos juros.

O dólar caiu para seu nível mais baixo desde agosto e os rendimentos dos Treasuries recuaram depois que o chair do Fed, Jerome Powell, disse na quarta-feira que está na hora de desacelerar os aumentos dos juros. Ele também sinalizou um ajuste da economia aos custos de empréstimos mais altos e destacou uma escassez crônica de trabalhadores nos Estados Unidos.

O petróleo subia nesta quinta-feira com a chance de novos cortes de oferta pela Opep + e com o alívio das restrições contra Covid-19 na China aumentando a probabilidade de maior demanda do maior importador de petróleo do mundo.

Enquanto os investidores em ações comemoravam os sinais de moderação da inflação e um aumento nos gastos do consumidor nos EUA em outubro, o apetite pelo risco diminuiu depois que dados mostraram que a atividade manufatureira dos EUA contraiu pela primeira vez em 2 anos e meio em novembro, quando os custos de empréstimos mais altos pesaram sobre a demanda por bens.

Ainda assim, os investidores entendera que a diminuição da inflação reforça indicação do chair do Fed de que os aumentos dos juros podem desacelerar. Nos 12 meses até outubro, o índice de preços de despesas de consumo pessoal (PCE) aumentou 6,0%, após avançar 6,3% em setembro, em comparação com a meta de 2% do Fed.

O Dow Jones Industrial Average DJI caía 0,82%, para 34.305,17 pontos, o S&P 500 SPX recuava 0,05%, para 4.078,1 pontos e o Nasdaq Composite IXIC avançava 0,18%, para 11.488,63 pontos.

O S&P subiu 3% na quarta-feira após os comentários de Powell, enquanto o Nasdaq ganhou mais de 4% e o Dow subiu 2%.

O índice pan-europeu STOXX 600 SXXP subiu 0,95% e o indicador de ações da MSCI em todo o mundo IACWI ganhava 0,76%. Ações de mercados emergentes EFS subiram 0,59%.

Em moedas, o índice do dólar DXY caía 0,756%, com o euro EURUSD subindo 0,79%, para 1,0487 dólar.

O iene fortalecia 1,57% contra o dólar em 135,92 por dólar, enquanto a libra GBPUSD era negociada pela última vez a 1,2264 dólar, com alta de 1,73% no dia.

Na negociação de títulos, a moderação da inflação em outubro inicialmente empurrou os rendimentos dos Treasuries ainda mais para baixo após a queda de quarta-feira.

O Treasury de 10 anos US10Y caía 10,7 pontos-base para 3,594%, de 3,701% na noite de quarta-feira. O Treasury de 2 anos (US2YT=RR) caía 5,4 pontos-base para render 4,3181%, de 4,372%.

(Reportagem de Sinéad Carew em Nova York, Marc Jones, Samuel Indyk e Alun Jogn em Londres)

((Tradução Redação São Paulo, +55 11 5047-3075))

Join for free to get the full story
News unlock banner