ReutersReuters

Nestlé vai parar de comprar óleo de palma de produtora indonésia AAL

A gigante de alimentos Nestlé NESN planeja parar de comprar de subsidiárias da Astra Agro Lestari (AAL), grande produtora de óleo de palma da Indonésia acusada por grupos ambientalistas de abusos contra direitos humanos e uso da terra.

A medida ocorre enquanto as multinacionais enfrentam crescente pressão legal e de reputação de consumidores e governos para limpar suas cadeias de suprimentos globais na luta contra as mudanças climáticas.

A Nestlé, fabricante do chocolate KitKat e do café Nespresso, disse à Reuters que, após uma recente avaliação independente, instruiu seus fornecedores a garantir que o óleo de palma de três subsidiárias da AAL não entre mais em sua cadeia de suprimentos.

AAL negou as acusações feitas contra ela.

"A Astra Agro leva muito a sério a implementação de nossa política de sustentabilidade", disse Santosa, diretor-presidente da AAL, à Reuters.

(Reportagem de Maytaal Angel; com reportagem adicional de Bernadette Christina)

((Tradução Redação São Paulo 55 11 56447751)) REUTERS RS

Join for free to get the full story
News unlock banner