ReutersReuters

GPA vai segregar Éxito 'para destravar valor aos acionistas'

O GPA PCAR3, dono dos supermercados Pão de Açúcar, anunciou nesta segunda-feira a segregação de sua unidade colombiana Éxito EXITO por meio de uma redução de capital, na qual distribuirá 83% das ações que detém na empresa sul-americana aos acionistas.

Com isso, o GPA ficará com 13% do Éxito, parcela com "potencial de monetização no futuro", disse o GPA em fato relevante.

A transação deverá ocorrer por meio da distribuição proporcional aos acionistas do GPA de ações ordinárias do Éxito, incluindo na forma de BDRs nível II e ADRs nível 2.

Em documento separado enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), o GPA afirmou que a operação, esperada para ser concluída no primeiro semestre de 2023, tem potencial de "destravamento de valor relevante, beneficiando todos os

acionistas do GPA e Éxito devido ao aumento da liquidez e

visibilidade de Éxito no mercado de capitais".

Atualmente, diz a apresentação, o GPA tem um valor de mercado de cerca de 5,3 bilhões de reais, enquanto a capitalização da Éxito é ainda maior, de 6 bilhões de reais.

Nesta segunda-feira, a ação do GPA deu um salto de 9,72%, repercutindo especulações sobre potencial mudança no controle, com retorno do empresário Abilio Diniz. Na sexta-feira, quando foram veiculadas notícias sobre o tema, o GPA disse que não tinha conhecimento de informações acerca de decisão de venda da companhia pelo controlador, Casino, e nem da possibilidade de uma oferta de um terceiro pela companhia.

Join for free to get the full story
News unlock banner