ReutersReuters

Startup mexicana de carros usados Kavak cresce para fora da América Latina

A companhia mexicana de venda de carros usados ​​Kavak está investindo 180 milhões de dólares para abrir escritórios e disponibilizar seus serviços em quatro novos países, incluindo a Turquia, avançando para fora da América Latina onde também tem operações no Brasil.

A Kavak, que se autodenomina a maior operação de carros usados ​​do mundo, entrará na Colômbia, Chile e Peru com um investimento planejado de 120 milhões de dólares. A empresa destinou 60 milhões de dólares para entrada no mercado de Istambul, na Turquia, disse o presidente-executivo, Carlos Garcia.

"A Turquia é um mercado de 120 bilhões de dólares, então é uma grande oportunidade", disse Garcia. "Eles enfrentam problemas semelhantes aos que enfrentamos no México e no Brasil", acrescentou, referindo-se a fraudes na venda de carros usados ​​e dificuldades de acesso a financiamento.

A startup apoiada pelo SoftBank 9434 está avaliada em 8,7 bilhões de dólares, de acordo com Garcia, e experimentou um rápido crescimento no México, que responde por 60% das operações. A Kavak também atua na Argentina.

Essa ampliação geográfica, no entanto, não veio sem dificuldades. A Kavak cortou cerca de 150 empregos em suas operações em São Paulo e Rio de Janeiro no mês passado, menos de um ano após a expansão para o Brasil. Os cortes foram resultado de necessidade de se ajustar às mudanças nas condições do mercado, disse Garcia, que acrescentou que a Kavak não está planejando atualmente "demissões em massa".

A empresa também enfrentou reclamações em redes sociais sobre seu atendimento ao cliente no México. Garcia atribuiu parte disso a atrasos criados por medidas de isolamento social de instâncias governamentais, atrasando a papelada necessária em torno das vendas de carros usados.

"Temos um grupo de usuários que definitivamente poderíamos atender melhor", disse Garcia.

((Tradução Redação São Paulo, 55 11 56447500))

Join for free to get the full story
News unlock banner