BITMEX:XBTUSD   Bitcoin / US Dollar Perpetual Inverse Swap Contract
Operação:

Scalp ou Day Trade: COMPRA (LONG);
Swing Trade: SUBIR STOP E AGUARDAR.

Resumo da análise: Como dissemos hoje tivemos muita estabilidade e mercado lateral com pouca liquidez, por isso decidimos ficar de fora. Aparentemente a tendência de alta ainda não acabou e apesar da correção mais acentuada e do momento de consolidação, acreditamos que a moeda irá dar continuidade no movimento de alta na próximo sessão (entre hoje amanhã). Ainda é cedo para dizer se a moeda irá caminhar para testar a linha de tendência de baixa do gráfico diário (D1), pois há muita pressão vendedora e os ursos não querem facilitar a vida dos touros. No curto prazo, esperamos que a moeda vá testar novamente o topo do canal ascendente azul (H1), na faixa de 50% de Fibonacci e depois podemos esperar um movimento de queda. Confesso a vocês que não está fácil de ler o movimento do mercado nesses últimos 02 (dois) dias e quando há dúvidas, preferimos ficar olhando de fora. Para as próximas horas esperamos que a moeda vá realizar um movimento de alta , por isso recomendamos operações compradas (long) para quem deseja fazer scalp. Para quem está no longo prazo, recomendamos manter a posição e ir subindo o stop loss conforme o ativo evolui na tendência.

Tendência Principal (D1): Baixa;

Tendência Secundária/Diária (H4): Consolidação/Alta;

Linhas de Tendência:

D1: ativo em direção a linha de tendência de baixa do gráfico diário (preta);
H4: ativo testando linha de tendência de baixa (vermelha);
H1: ativo caminhando para testar a linha de tendência de baixa ( azul );
M15: ativo afunilando entre as linhas de tendência (verdes).

Padrões Gráficos:

D1: padrão de cunha altista (preto);
H4: padrão de triângulo descendente (vermelho);
H1: canal ascendente ( azul );
M15: triângulo simétrico (verde).

Retração de Fibonacci: Retração de Fibonacci com viés altista traçado. Ativo alcançou a faixa de 50% de Fibonacci e agora caminha na faixa de 38,6% de Fibonacci.

Análise de Indicadores:

01. Acumulação/Distribuição (ADL):

D1: o indicador confirma a tendência de alta no gráfico diário, apontando ativo passando por acumulação;
H4: o indicador apresenta divergência baixista nesse tempo gráfico, apontando possível movimento de baixa para as próximas horas;
H1: o indicador aparenta confirmar um movimento lateral do mercado.

02. Bandas Bollinger (BB):

D1: ativo cruzou a média (linha base) indicando viés altista e o preço caminha na banda de cima;
H4: ativo fez um sinal de topo, extrapolando a banda de cima e agora caminha para testar a média;
H1: ativo fez um sinal de fundo, os preços cruzaram a média passando para a banda de cima e agora voltam a testar a média;

03. Índice de Fluxo Monetário ( MFI ):

D1: indicador aponta viés altista, com a linha de fluxo monetário acima do nível 50 e fazendo movimento ascendente;
H4: indicador aponta viés altista, com a linha de fluxo monetário acima do nível 50, tendo saído da zona de sobrevenda (maior que 80);
H1: indicador aponta viés altista, com a linha de fluxo monetário acima do nível 50 e fazendo movimento ascendente, com divergência altista em relação ao preço.

04. Fluxo Monetário de Chaikin:

D1: indicador com viés altista, caminhando acima do marco zero, porém bem próximo de um rompimento, indicando queda da pressão compradora;
H4: indicador com viés altista, caminhando acima do marco zero, porém formando divergência baixista com o preço;
H1: indicador com viés baixista, caminhando abaixo do marco zero. O indicador testou o marco zero mas não foi capaz de romper. Há divergência altista com o preço.

05. Nuvem Ichimoku ( Ichimoku ):

D1: indicador aponta viés baixista, com a linha kijun-sen (marrom) acima da linha tenkan-sen ( azul ). A linha chikou-span (rosa) indica baixa nos preços recentes. Além disso, o preço encontra-se abaixo da nuvem (vermelha), que impõe forte resistência. Há, no entanto, um estreitamento da nuvem, o que pode significar redução da pressão vendedora.

H4: indicador aponta viés altista, com a linha kijun-sen (marrom) abaixo da linha tenkan-sen ( azul ). A linha chikou-span (rosa) indica alta nos preços recentes. Além disso, o preço encontra-se acima da nuvem (verde), que serve de suporte para o preço. Todavia é possível observar que os preços estão muito esticados e distantes da nuvem, o que pode significar que não há um suporte muito forte para manter o crescimento da tendência. Há um alargamento da nuvem verde, o que indica aumento da pressão compradora.

H1: indicador aponta viés baixista, com a linha kijun-sen (marrom) acima da linha tenkan-sen ( azul ). A linha chikou-span (rosa) indica baixa nos preços recentes. Contudo, o preço encontra-se acima da nuvem (verde) que serve de suporte para o preço. Os preços estão próximos da nuvem, o que pode significar um teste de suporte. Há um alargamento da nuvem verde, o que indica aumento da pressão compradora.

06. Índice de Força Relativa ( RSI ):

D1: indicador aponta viés altista, caminhando acima do marco 50, não há sinais de divergências com o movimento do preço;
H4: indicador saiu de zona de sobrevenda (> 70) e apesar do viés altista, acima do marco 50, com movimento descendente;
H1: indicador aponta consolidação, caminhando na faixa do marco 50 e não há sinais de divergências com o movimento do preço.

07. MACD4C:

D1: indicador aponta viés baixista, porém com histograma caminhando para ultrapassar o marco zero. Há uma redução da pressão vendedora nos últimos dias;
H4: indicador aponta viés altista, porém com histograma demonstrando queda da pressão compradora que confirma movimento de correção nas últimas horas;
H1: indicador aponta viés altista, porém com histograma próximo do marco zero. Há um aumento da pressão compradora nas últimas horas.

08. MACD:

D1: indicador aponta viés baixista, com linhas MACD e Signal caminhando abaixo do marco zero. O indicador aponta cruzamento altista próximo do marco zero, que poderá importar em reversão da tendência do gráfico diário (principal) se conseguir romper o nível zero.
H4: indicador aponta viés altista, com linhas MACD e Signal caminhando acima do marco zero. O indicador aponta cruzamento baixista distante do marco zero que poderá significar o retorno para a tendência de baixa intraday.
H1: indicador aponta viés altista, com linhas MACD e Signal caminhando acima do marco zero. O indicador aponta cruzamento altista próximo do marco zero que pode confirmar continuidade da tendência altista intraday se houver um afastamento das linhas daquela região.

09. Movimento Direcional ( ADX DMI):

D1: indicador aponta viés altista, com a Linha DI+ acima da Linha DI- e da Linha ADX . A Linha ADX está no nível 20, indicando que não há força na tendência e que o preço caminha consolidado;
H4: indicador aponta viés altista, com a Linha DI+ acima da Linha DI-, porém abaixo da Linha ADX . A Linha ADX indica forte tendência no nível 40. A Linha DI+ realiza movimento descendente compatível com a correção. A Linha DI- realiza movimento descendente indicando queda da pressão vendedora;
H1: indicador aponta viés altista, com a Linha DI+ acima da Linha DI- e da Linha ADX . A Linha ADX todavia não aponta existência de força da tendência, encontrando-se no nível 18. A Linha DI+ realiza movimento ascendente compatível com final da correção. A Linha DI- realiza movimento descendente indicando queda da pressão vendedora;

10. Médias Móveis Exponenciais (EMAs):

D1: ativo com viés baixista, porém caminhando acima das EMAs 17, 34, 51. No momento o ativo testa a EMA 68. Há um afunilamento das médias móveis exponenciais, indicando que há tentativa de reversão altista do gráfico diário em curso;
H4: ativo com viés altista, caminhando acima das EMAs 17, 34, 51, 68 e 85. Há um alargamento das médias, denotando continuidade da tendência de alta do gráfico intraday;
H1: ativo com viés altista, caminhando acima das EMAs 17, 34, 51, 68 e 85. Há um alargamento das médias que demonstra continuidade da tendência de alta do gráfico intraday.

11. Média da Amplitude de Variação (ATR):

D1: indicador aponta queda da pressão vendedora no gráfico diário;
H4: indicador aponta queda da pressão vendedora no gráfico intraday;
H1: indicador aponta queda da pressão vendedora no gráfico intraday;

12. Pontos de Pivô Padrão ( Pivot Points ):

O ativo abriu sessão abaixo do pivô e caminha para testar o nível de 6721. Há forte resistência (R1) na faixa de 6781 então se o ativo voltar a crescer espera-se que a moeda irá interromper um movimento de alta próximo daquela região, que poderá servir como alvo para operações de compra (long). Por outro lado, se o ativo perder a força compradora, poderá retornar para testar o suporte existente na faixa de 6643.

13. S. Parabólico (Parabolic S.A.R.):

D1: indicador aponta tendência de alta , com nível de stop e reversão fixado em 6125;
H4: indicador aponta tendência de alta , com nível de stop e reversão fixado em 6534;
H1: indicador aponta tendência de baixa, com nível de stop e reversão fixado em 6726;

14. Saldo de Volume (OBV):

D1: volume de compras subindo, confirmando que tendência de alta vigente;
H4: volume de compras caindo, formando divergência baixista com o preço.
H1: volume de compras subindo, confirmando a tendência de alta de curto prazo.

15. Volume (VOL):

D1: a análise do volume confirma tendência de alta no gráfico diário;
H4: a análise do volume parece não confirmar mais a tendência de alta ;
H1: a análise do volume indica momento de lateralização dos preços.

16. Supertrend:

D1: ativo com viés baixista, porém se aproximando da linha supertrend, indicando tentativa de reversão da tendência do gráfico diário de baixa;
H4: ativo com viés altista se distanciando da linha supertrend, demonstrando continuidade da alta ;
H1: ativo com viés altista se aproximando da linha supertrend, demonstrando possibilidade de reversão baixista.

16. VWAP:

Ativo encontra-se no nível da VWAP , indicando possível movimento altista no curto prazo se conseguir romper a média.

17. Índice de Canal de Commodities (CCI:)

D1: indicador com viés altista, acima do marco 50 e caminhando para zona de sobrevenda (> 80);
H4: indicador com viés altista, acima do marco 50, porém fazendo movimento descendente após sair de zona de sobrevenda;
H1: indicador com viés altista, acima do marco 50 e fazendo movimento ascendente.

18. Momento do Mercado:

D1: mercado em fase de recuperação, primeira fase de ciclo altista;
H4: mercado em fase de acumulação, segunda fase de ciclo altista;
H1: mercado em fase de alta , terceira fase de ciclo altista.
Início Rastreador de Fundamentos Rastreador Forex Rastreador de criptomoedas Calendário econômico Shows Como Funciona Recursos gráficos Preços Regras da Casa Moderadores Soluções para sites e corretoras Widgets Soluções em Gráficos Biblioteca de Gráficos Lightweight Central de Ajuda Indique um amigo Solicitação de recurso Blog & Notícias FAQ Wiki Twitter
Perfil Configurações de perfil Conta e cobrança Indique um amigo Meus Tíquetes de Suporte Central de Ajuda Ideias Publicadas Seguidores Seguindo Mensagens Privadas Conversa Deslogar