ReutersReuters

Preços devolvem ganhos do ano e fecham em mínima de 2022

O preço do petróleo caiu para seu nível mais baixo neste ano nesta quarta-feira, perdendo todos os ganhos desde que a invasão da Ucrânia pela Rússia exacerbou a pior crise global de fornecimento de energia em décadas.

A commodity mais negociada no mundo subiu para quase 140 dólares o barril em março, perto de um recorde histórico, após o lançamento do que Moscou chamou de "operação especial" na Ucrânia, que tem ocorrido desde então.

O mercado tem diminuído constantemente nos últimos meses do ano, à medida que os economistas se preparam para o enfraquecimento do crescimento mundial, em parte devido aos altos custos de energia. As perdas de quarta-feira foram impulsionadas por aumentos maiores do que o esperado nos estoques de combustível dos EUA.

O Brent BRN1! caiu 2,18 dólares, ou 2,8%, para 77,17 dólares o barril, ficando confortavelmente abaixo da mínima de fechamento do ano anterior de 78,98 o barril tocada no primeiro dia de 2022. O WTI CL1! caiu 2,24 dólares, enfraquecendo ainda mais em relação ao fechamento de terça-feira, que já era uma baixa anual, para 72,01 dólares o barril.

(Reportagem adicional de Rowena Edwards em Londres e Trixie Yap em Cingapura)

((Tradução São Paulo))

Join for free to get the full story
News unlock banner