ReutersReuters

Café cai ainda mais após pico de 4 semanas na ICE, açúcar também recua

Os contratos futuros do café arábica caíram nesta sexta-feira na ICE, estendendo ainda mais as perdas após um pico de quatro semanas, enquanto o açúcar bruto recuou à medida que os mercados avaliavam as perspectivas mistas de safra no Brasil e em meio a um cenário macroeconômico predominantemente negativo.

CAFÉ

* O café arábica de março KC2! caiu 2%, para 1,6260 dólar por libra-peso. O contrato encerrou em queda de 2,4% na quinta-feira, recuando de uma máxima de quatro semanas no início da sessão.

* Uma recuperação do dólar, já que os dados de emprego nos EUA levantaram dúvidas sobre uma possível desaceleração nas altas das taxas de juros, colocou alguma pressão sobre os preços.

* Os revendedores disseram que o mercado não tem uma direção clara em volumes leves, com os participantes esperando por uma imagem mais firme sobre a próxima safra do Brasil.

* O café robusta de janeiro RC1! caiu 0,1%, para 1.888 dólares a tonelada.

AÇÚCAR

* O açúcar bruto de março SB1! perdeu 0,6% para 19,48 centavos de dólar por libra-peso, mas continuou acima da mínima de duas semanas e meia atingida no início da semana.

* Os preços do açúcar foram limitados pelas expectativas de uma mudança para um superávit de mercado, em meio às perspectivas favoráveis ​​de produção no Brasil.

* No entanto, as cotações continuaram sustentadas por um período prolongado de chuva nas regiões sul e sudeste do Brasil, que deve prejudicar o andamento da safra de cana.

* O açúcar branco de março SF1! baixou 0,9%, para 532,90 dólares a tonelada.

(Reportagem de Marcelo Teixeira e Gus Trompiz)

((Tradução Redação São Paulo))

Join for free to get the full story
News unlock banner