ReutersReuters

Trigo sobe em Chicago com coberturas de vendidos e otimismo sobre China

O trigo de Chicago subiu pela segunda sessão consecutiva nesta quarta-feira, apoiado pela cobertura de vendidos no final do mês e pelas esperanças dos investidores de que a China afrouxe as regras relacionadas à Covid-19.

No mês, o cereal caiu acentuadamente devido à concorrência dos suprimentos do Mar Negro.

A soja também subiu, atingindo um pico de dois meses, já que o otimismo sobre a China aumentou as expectativas de demanda no grande importador de commodities.

Os exportadores dos EUA venderam 136.000 toneladas de soja para entrega à China durante 2022/23, informou o Departamento de Agricultura dos EUA.

O contrato de trigo mais ativo na bolsa de Chicago ZW1! subiu 1,8% para fechar a 7,955 dólares por bushel.

A soja ZS1! fechou em alta de 0,7%, para 14,695 dólares por bushel.

O milho ZC1! caiu 0,4% para 6,67 dólares por bushel devido a preocupações com a demanda de exportação e pressionado pela realização de lucros por fundos que mantêm posições compradas.

No mês, o trigo perdeu 9,8%, a soja somou 3,5% e o milho perdeu 3,5%.

((Tradução Redação São Paulo 55 11 56447751)) REUTERS RS

Join for free to get the full story
News unlock banner