ReutersReuters

Ações avançam após sinais de desaceleração do Fed

As ações europeias atingiam novos picos de vários meses nesta quinta-feira, após a ata da reunião de novembro do Federal Reserve sinalizar desaceleração no ritmo de aumento de juros, com os investidores procurando novas indicações do Banco Central Europeu (BCE).

Às 7:34 (de Brasília), o índice pan-europeu STOXX 600 SXXP subia 0,47%, a 440,89 pontos, mas os volumes de negociação são mais fracos devido ao feriado de Ação de Graças nos Estados Unidos.

Wall Street fechou com ganhos sólidos na quarta-feira depois que a ata da reunião do banco central dos EUA mostrou que uma "maioria substancial" das autoridades concordou que seria "provavelmente apropriado em breve" diminuir o ritmo de aumento da taxa de juros.

"(A ata) ficou de acordo com as expectativas em torno da sinalização de aumentos menores das taxas, mas ressaltando também que a taxa terminal será mais alta", disse Karim Chedid, chefe da estratégia de investimento da BlackRock.

Já o Banco Central Europeu divulgará nesta quinta a ata de sua reunião de outubro, quando aumento os juros em 0,75 ponto percentual e disse que já haviam sido feitos progressos "substanciais" em sua tentativa de combater um aumento histórico da inflação.

. Em LONDRES, o índice Financial Times UK100 avançava 0,24%, a 7.483 pontos.

. Em FRANKFURT, o índice DAX DB1 subia 0,82%, a 14.546 pontos.

. Em PARIS, o índice CAC-40 PX1 ganhava 0,65%, a 6.722 pontos.

. Em MILÃO, o índice Ftse/Mib FTSEMIB tinha valorização de 0,23%, a 24.636 pontos.

. Em MADRI, o índice Ibex-35 IBC registrava alta de 0,42%, a 8.365 pontos.

. Em LISBOA, o índice PSI20 PSI20 valorizava-se 0,23%, a 5.884 pontos.

((Tradução Redação São Paulo, 55 11 5047 2984))

Join for free to get the full story
News unlock banner