ReutersReuters

Minério de ferro cai à medida que problemas de Covid na China se intensificam

Os contratos futuros de minério de ferro nas bolsas de Dalian e Cingapura recuaram nesta quinta-feira após um rali de sete sessões, com a China lutando contra uma subida nas infecções por Covid-19, o que levou traders a garantir seus lucros.

O minério de ferro mais negociado para janeiro na Dalian Commodity Exchange da China TIO1! encerrou as negociações diurnas em queda de 1,4%, a 675,50 iuanes (93,21 dólares) a tonelada.

Na Bolsa de Cingapura, o minério de ferro de referência de dezembro caiu 2,9%, a 85,90 dólares a tonelada.

No entanto, o otimismo do mercado em relação ao programa desapareceu rapidamente à medida que os investidores buscavam mais detalhes e mais evidências de apoio a desenvolvedores imobiliários em dificuldades.

Outros insumos siderúrgicos de Dalian também recuaram, com carvão metalúrgico ACT1! e coque (DCJcv1) caindo 2,8% e 3,1%, respectivamente.

(Por Enrico Dela Cruz em Manila)

((Tradução Redação São Paulo))

Join for free to get the full story
News unlock banner