ReutersReuters

Polícia da Noruega diz que 6 russos suspeitos de vigilância foram presos na semana passada

A polícia norueguesa revelou esta segunda-feira que prendeu quatro russos por suspeita de fotografar ilegalmente instalações classificadas na semana passada, dias antes de ter apanhado outros dois russos supostamente na posse de drones.

A Noruega aumentou a segurança nas últimas semanas após uma série de avistamentos de drones perto de sua infraestrutura de petróleo e gás e em resposta às fugas de 26 de Setembro nos gasodutos Nord Stream fora dos costa da Suécia e da Dinamarca.

"Estamos a ver as consequências da nova situação de segurança na Noruega", disse a ministra da Justiça, Emilie Enger Mehl, em confrência de imprensa. "Não podemos descartar mais casos."

A polícia disse na semana passada que prendeu um homem russo-israelita num posto de fronteira com drones no seu carro na quinta-feira, e outro russo foi encontrado pilotando um drone e na posse de cameras num aeroporto na cidade ártica de Tromsoe na sexta-feira.

Um comunicado da polícia do condado de Nordland na segunda-feira revelou as prisões anteriores de três homens e uma mulher em 11 de Outubro. Ele disse que cameras e um extenso material fotográfico foram apreendidos no seu carro, mas nenhum drone foi encontrado.

Um tribunal, a 14 de Outubro, deu permissão à polícia para manter os quatro suspeitos sob custódia por uma semana.

Join for free to get the full story
News unlock banner