ReutersReuters

Produção de farelo de soja no Brasil pode crescer 4 mi t com aumento de biodiesel, diz Abiove

O aumento da mistura de biodiesel ao diesel, se retomadas as proporções de 14% para janeiro e 15% a partir de março, acrescentaria 4 milhões de toneladas de farelo de soja à produção brasileira em 2023, que totalizaria 43 milhões de toneladas, afirmou a Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (Abiove) nesta segunda-feira.

Na semana passada, o Conselho Nacional de Política Energética (CNPE) no primeiro trimestre do ano que vem, contrariando as expectativas dos produtores, que esperavam aumento do mandato.

Como o biodiesel é produzido a partir do esmagamento da soja, ele beneficia indiretamente a produção de carnes, uma vez que um maior processamento gera mais farelo de soja, matéria-prima da ração para aves e suínos.

A retomada da mistura do biodiesel em 2023 também pode incrementar a produção de óleo de soja em mais de um milhão de toneladas, chegando a 11,3 milhões.

Se o B10 for mantido, este volume deve ficar em 10,1 milhões, segundo a Abiove, citando dados apresentados no seminário da Frente Parlamentar Mista do Biodiesel (FPBio), em Brasília.

Join for free to get the full story
News unlock banner