ReutersReuters

Volkswagen interrompe parte de produção na China por onda de Covid-19

A joint-venture entre Volkswagen VOW e a chinesa FAW (SASACJ.UL) em Chengdu interrompeu a produção na semana passada devido ao aumento de casos de coronavírus e duas das cinco linhas de produção da fábrica em Changchun estão suspensas, disse um porta-voz da VW nesta segunda-feira.

As duas linhas em Changchun foram interrompidas por falta de peças disponíveis, acrescentou o porta-voz. Outras unidades estão operando, mas a situação é tensa, disseram representantes da empresa.

Protestos eclodiram em cidades da China no fim de semana, incluindo Chengdu, Xangai, Pequim e Lanzhou, à medida que aumentam as frustrações da população com a política de Covid zero promovida pelo governo.

Embora baixo para os padrões globais, o número de casos da China atingiu recordes diários, com os residentes de Chengdu submetidos a testes em massa de 23 a 27 de novembro.

O presidente-executivo da BMW BMW, Oliver Zipse, disse na sexta-feira que as fábricas da empresa na China estavam funcionando normalmente, mas que os escritórios estavam fechados com funcionários trabalhando em casa.

(Por Victoria Waldersee, Jan Schwartz e Christina Amann)

((Tradução Redação São Paulo))

Join for free to get the full story
News unlock banner