ReutersReuters

Ações se recuperam de perdas de mais cedo após dados fortes nos EUA

As ações de mercados emergentes subiam nesta sexta-feira, depois de perdas sofridas após a divulgação de um relatório de criação de vagas de trabalho nos Estados Unidos muito mais forte do que o esperado, que ampliou expectativas de outra grande alta dos juros pelo Federal Reserve. As moedas, contudo, tinham desempenho misto.

As apostas de operadores num aumento de 0,75 ponto percentual nos juros norte-americanos pelo Fed em julho subiram para 97,7%, contra 91,5% antes dos dados, de acordo com a ferramenta Fedwatch do CME Group.

A expectativa reforça preocupações de que o ciclo de aperto monetário possa levar a economia dos EUA a uma recessão, cujos efeitos se espalharão pela maioria dos mercados dos países em desenvolvimento. E juros mais altos nos EUA diminuem o apelo de ativos mais arriscados à medida que o dólar aprecia.

O índice MSCI para moedas emergentes (.MIEM00000CUS) tinha leve alta de 0,1%, depois de cair brevemente a território negativo na sequência dos dados, enquanto o índice de ações EFS avançava 0,5%.

Na América Latina, o peso mexicano USDMXN valorizava-se 0,3% e se afastava de seu menor valor desde meados de março. O real (BRBY) saltava 1,6%, liderando os ganhos entre as principais divisas globais. Mas peso chileno USDCLP, peso colombiano USDCOP e sol peruano USDPEN recuavam entre 0,5% e 2,4%.

Fora da região, o rand sul-africano USDZAR depreciava 1,1%, e a lira turca USDTRY rondava estabilidade.

((Tradução Redação Brasília))

Join for free to get the full story
News unlock banner