f1l1per.

Cuidado com a Euforia - IBOV

Viés de baixa
BMFBOVESPA:IBOV   Índice IBovespa
8
Nas últimas duas semanas o IBOV teve um desempenho muito bom de quase 7%, que culminou com o marubozu de ontem dia 02/05. Pela primeira vez desde fevereiro, tivemos topos superados no gráfico diário. Um rali de 2% fez o IBOV superar as máximas de 05/04 e 16/03 de uma só vez. Os veículos de notícias estão otimistas.

No entanto os sinais gráficos no diário mostram que podemos estar em um ponto crucial. Considerando a distância entre o último fundo e topo, a relação risco retorno não é atrativa nem à venda nem à compra no swing trade. Estamos na retração de 61.8% da perna maior de queda, próximos da linha central do canal de 2016 (em laranja), linha de tendência que tem sido respeitada até aqui, em uma região que já foi topo anteriormente. O OBV está divergente em relação aos dois últimos topos que foram superados. Embora não esteja ainda "fechado" (a linha do indicador não formou um topo com valores imediatamente menores no entorno), é um sinal de fraqueza desse rali. Um marubozu de topo, se for seguido de candle baixista, pode também, à semelhança de um gap, ser considerado um sinal de exaustão de um rali.

Por outro lado, o índice segue com viés comprador no semanal. Acima da média móvel de 20 semanas, longe ainda do último fundo nos 58k.

A cautela continua sendo a palavra de ordem. O sinais no gráfico diário pendem pra venda, o que nos deve deixar alertas quanto a força desse rali, mas é necessário sinais de confirmação de baixa já que a tendência de curto prazo está na compra.
Comentário: Pullback ou reversão espero que no mínimo volte nos 65500:

Comentário: Foi até além do 65500 com um dia de quase 2% de queda. Agora tentar entender se é só um pullback ou se veremos o teste de fundo novamente no IBOV.

Canal Telegram: https://t.me/EWFPP
Aviso legal

As informações e publicações não devem ser e não constituem conselhos ou recomendações financeiras, de investimento, de negociação ou de qualquer outro tipo, fornecidas ou endossadas pela TradingView. Leia mais em Termos de uso.