AndrePresse

Bulls estão no controle BTC/BRL?

Viés de alta
MERCADO:BTCBRL   Bitcoin / Real Brasileiro
Bulls estão no controle BTC /BRL?

"Remeto a todos que este estudo não é um call, trata-se de uma análise sob aspectos abstratos que pode deter baixo teor de assertividade, e o exercício prático do mesmo podem causar extremas frustrações e perdas imensuráveis".

Contexto:
Aparentemente a acumulação sob o range de 251K ~ 261 foi rompida na madrugada de hoje (14/02/21) e um teste na região de 264 ~ 262K seria aguardado para uma nova frente de entradas.

Tendo em vista que ainda estamos em um amplo canal de alta, com espaço para atingir a banda superior do mesmo, uma correção profunda ainda é descartado.

Sob o volume a cada superação de máxima, é fato que o este vem caindo gradualmente, e rompimentos requerem aumento expressivo de volume . O que me faz ficar atento aos volumes ingressados sob pullback´s.

Contudo, o pivô constituído em 9 de fevereiro, busca o primeiro alvo na região de 280K, detendo a projeção de 100% justamente nos alvo da região de 300K. Ali sim creio que o preço irá deter realização boa dos bull´s, dando alguma oportunidade aos Bears...

Este tem sido uma batalha de gigantes. Esta alta do Bitcoin vem sendo constituído desde março de 2019, de lá para cá, a alta é superior a 2300%, onde muitos querem adivinhar o momento da reversão, e acabam perdendo oportunidade de ganhos. O que eu tento me apegar é aos fatos, e neste cenário, obtenho a seguinte conduta:

a) A tendência é de alta até que me mostre o contrário.
b) Volume acima do convencional mostra ingresso forte e interesse das “baleias” para superações às marcas históricas.
c) Nunca operar contra (a) + (b).
d) Nunca coloque a quantia de dinheiro em que você não está disposto a perder. Qualquer investimento tem seu risco. Saiba dosar.
e) Faça realizações parciais, uma vez que não sabemos de fato quanto o mercado vai reverter, todavia, pullbacks são ideais para ingresso de novos lotes.
f) Tenha paciência. Qualquer investimento requer tempo e longo prazo.

Bons negócios.

By André Presse

Comentários